Curta a nossa página
Bom dia!  Teresina, 12 de dezembro de 2019
 
28/10/2019 às 10h22 O âncora Você está aqui: Home / Teresina Imprimir postagem

Senador Marcelo Castro se reúne com Major Paulo Roberto e convida o vereador para se filiar ao MDB

O vereador Major Paulo Roberto (sem partido) se reuniu na manhã desta segunda-feira com o presidente estadual do MDB, senador Marcelo Castro. O encontro foi na residência do parlamentar federal, em Teresina, e contou com a presença do vereador Luiz Lobão.
 
A reunião com Marcelo Castro ocorre dias depois do vereador ter se reunido com o prefeito, Firmino Filho (PSDB). O vereador foi expulso recentemente do Solidariedade e agora busca um novo partido político para disputar à reeleição em 2020.

"O Major Paulo Roberto é um grande parlamentar que tem um serviço prestado em Teresina. Tem um serviço social prestado a nossa sociedade. É meu amigo e já votou em mim algumas vezes. Tenho muito respeito e consideração. Ele e muitos outros estão sendo convidados para se filiarem ao MDB. Aqueles que quiserem contribuir com o fortalecimento do nosso partido, que forem lideranças autênticas, com votações expressivas, não tenha dúvida que o MDB está de portas abertas. Tem vaga para ele (Major) no MDB”, afirmou Marcelo.

Major Paulo Roberto afirma que conversa com três partidos. Ele diz que pode tomar a decisão em 15 dias. “O senador é um amigo nosso. Votamos nele para senador e fazemos uma visita e estamos aqui para conversar. O que vai pesar é estudo. Vamos devagar. Temos tempo. Vamos ouvir o MDB para saber qual o caminho que vamos seguir no rumo político. Estamos conversando como o MDB, PSDB e PRB. Vamos aguardar. Os três partidos mostraram interesse na nossa candidatura e vamos aguardar com meu grupo para saber qual o melhor caminho para tomar.  Posso tomar a decisão em 10 a 15 dias”, destacou. 

ELEIÇÃO MAJORITÁRIA

Marcelo Castro defende que o MDB continue avaliando o desempenho dos outros pré-candidatos do partido como o vereador, Luiz Lobão, e o deputado estadual, Henrique Pires. 

“Estamos com alguns nomes colocados para disputar a Prefeitura de Teresina. Com todo respeito a todos, o nome que mais se destaca no momento é o Dr. Pessoa. Evidentemente que como presidente do partido não posso antecipar. É um direito legítimo do vereador Luiz Lobão que é uma grande liderança em Teresina. Ele  já foi secretário de Saúde, foi presidente da Câmara Municipal, é médico conceituado. Uma pessoa de muita capacidade e coloca o seu nome à disposição do partido.
 O Henrique Pires que é um recém-eleito deputado, foi presidente nacional da Funasa, tem experiência administrativa, é um novo e grande quadro do partido. Ele também se colocar à disposição do partido. E o deputado Themístocles Filho , que nunca colocou o nome, mas eu sempre coloco pela expressividade de sua lideranças. Ele foi vereador e em todas as eleições de deputado sempre teve votação expressiva em Teresina. Então é um nome que na hora da necessidade o partido pode lançar. Evidentemente sabemos que o partido vai lançar aquele que tiver melhor condições de vitória. No momento quem reúne essas condições é o Dr. Pessoas. Ele sempre aparece de maneira crescente. O nome do momento é do Dr. Pessoa”, disse.

CHAPA MAJORITÁRIA

Para Marcelo Castro, o vereador Luiz Lobão continua no partido. Ele afirma que o vereador irá reforçar a chapa proporcional da sigla na capital. 

“O Lobão tem o direito de pleitear a vaga dele. Estamos em novembro de 2019. Quando é que o MDB e todos os partidos vão fazer suas convenções e escolher os candidatos? Em julho de 2020. Até lá temos um lapso de tempo muito grande. Se as condições permanecerem como estão, o MDB lançará Dr. Pessoa. E se não estiverem? Mas se não estiverem teremos que ter outra alternativa. O Lobão fica no MDB. Tem vários mandatos pelo partido. É um dos mais importantes do nosso partido”, disse.

 

 

Reproduzido de cidadeverde.com


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.